As mudanças climáticas já causam efeitos sobre a segurança alimentar no mundo. A afirmação foi feita pelo professor Ewen Todd, da Universidade de Michigan, nos Estados Unidos, durante o simpósio da Associação Americana para o Avanço da Ciência, de acordo com informações do site Science Daily.

O professor organizou um estudo sobre como as alterações climáticas afetam a segurança alimentar – vários especialistas apontam que o problema vai piorar nos próximos anos se as causas das mudanças climáticas não forem enfrentadas.

“A mudança climática é inevitável e causa implicações para produtos vegetais e animais”, disse Todd, que também afirmou que existe uma série de exemplos dos efeitos sobre a oferta mundial de alimentos.

Um deles é o Vibrio, um patógeno encontrado em águas quentes do oceano que, associado aos alimentos, pode provocar doenças. De acordo com o pesquisador, o patógeno se tornou mais comum no norte dos Estados Unidos nos últimos anos com o aumento da temperatura da água.

O estudioso citou as condições meteorológicas extremas, como secas e chuvas intensas, como causadores de impacto sobre a oferta mundial de alimentos. Segundo ele, em algumas áreas, as culturas estão sendo gradativamente eliminadas, resultando em aumento nos preços dos produtos e outros problemas, como as doenças.

Reprodução: Site Terra