Arquivo da Categoria ‘Fotos’

Acostumado com seca, anatomia de besouro serve de base para técnica complexa de nanotecnologia

O besouro da Namíbia desenvolveu a capacidade de extrair água do ar através da condensação. Nas suas costas tem uma zona hidrófila onde armazena a água, o que é essencial para a sua sobrevivência visto que na zona onde habita é raro chover, diz o site do jornal espanhol ‘ABC’.

Ele desenvolveu um sistema de hidratação único: a água dos nevoeiros matinais é absorvida através de sua carapaça nas costas. Se o inseto de 1,4 centímetro consegue enfrentar a crise do abastecimento de água, nós também temos que conseguir. Nem que seja preciso copiar a tecnologia do besourinho diz diretor da empresa NBD responsável pelo projeto.

O caminho pra essa solução (como boa parte das soluções do futuro) passa pela nanotecnologia. A empresa NBD Nano, principal entusiasta da ideia, afirma em seu site que seu propósito é “aprimorar a condensação da água para levá-la até as áreas mais secas do planeta”. Eles estão desenvolvendo uma combinação de superfícies superhidrofóbicas (extremamente difíceis de molhar) e superhidrofílicas (películas que podem impedir um vidro de ficar embaçado) para literalmente resgatar a água do ar.

Este trabalho está ainda na sua fase inicial mas é um dos muitos exemplos que demonstram como os cientistas procuram na natureza inspiração para a tecnologia sustentável. Em declarações ao site da BBC, Miguel Galvez, co-fundador da empresa, afirmou que estão já a desenvolver um protótipo da garrafa. “Acreditamos que o protótipo inicial será capaz de recolher, em qualquer local, desde meio litro até três litros de água por hora, dependendo do meio ambiente”, acrescentou.

O potencial desta inovação reside no fato de haver milhões de litros de água no ar, que não são aproveitados enquanto recurso natural, principalmente considerando que há imensos países de terceiro mundo onde a água é escassa.

Segundo a NBD, essa tecnologia permitirá combater a umidade nos lares, além de produzir água potável para ações militares, plantações e “nações do terceiro mundo”, como eles mesmo colocam no site. Uma garrafa de água que se auto-enche é uma das invenções que estão a caminho – tudo isso deve virar realidade até 2015.

Achei um protótipo, vejam as fotos abaixo:

Protótipo e o besouro inspirador.

 

Como funciona o processo

Como as pessoas iriam se beneficiar

Quem gosta de usar lápis sabe que a certa altura eles ficam no cotoco, difícil até de segurar entre os dedos. Imagine se você pudesse se desfazer do pedacinho restante simplesmente enterrando-o no canteiro mais próximo e, tempos depois, encontrasse um broto de coentro, uma flor ou um vegetal?

É exatamente isso o que a empresa Democratech fez ao lançar no mercado americano o Sprout, um lápis com cápsulas de semente variadas, acopladas no lugar da borracha, que pode ser plantado. O resultado são brotos de tomate, coentro, salsa, alecrim e até flores, como margaridas, dependendo da escolha do freguês.

A ideia nasceu do curso de design de produto Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT) em Cambridge, Estados Unidos, onde os alunos foram convidados a criar um produto sustentável para o escritório do futuro.

Ao inserir as sementes no corpo em madeira de cedro convencional, seus criadores aproveitaram para tornar o lápis também atrativos para as crianças, na esperança de estimulá-las a praticar a reciclagem através da jardinagem. No vídeo abaixo, Mario Bollini, um dos designers, fala sobre o processo de criação do Sprout:

sprout-a-pencil-with-a-seed

Para as pessoas que estão acostumadas a ficarem mastigando a ponta do lápis essa novidade não vai ter tanto  impacto assim, mas a ideia é bem legal.

retirado do blog: http://exame.abril.com.br/meio-ambiente-e-energia

Limpar a casa pode ser uma maneira de contribuir com a natureza, soluções naturais podem substituir de forma eficiente produtos como detergentes, desinfetantes, antimofo e muitos outros. Além de ajudar o meio ambiente ainda previne alergias e outros problemas de saúde.

Vinagre, suco de limão e bicarbonato de sódio: com esse trio nas mãos, você ataca de mofo, limo e manchas a gordura, entupimento e odores fortes. Ele tem propriedades bactericidas, abrasivas e ácidas tão eficientes quanto os produtos industrializados, mas com a vantagem de não agredir a nossa saúde nem o meio ambiente. “O multiúso e o detergente contêm fosfato na fórmula, um elemento que facilita a remoção da gordura. Em excesso, porém, ele causa a eutrofização da água – processo que leva ao crescimento exagerado de algas e micro-organismos e, consequentemente, ao desequilíbrio ecológico”, explica Márcio Augusto Araújo, consultor de ecoprodutos do Instituto para o Desenvolvimento da Habitação Ecológica (SP).

Embora no Brasil a quantidade de fosfato seja controlada, imagine o efeito provocado quando milhões de pessoas usam os produtos indiscriminadamente. “Os itens industrializados podem ser rastrea­dos, mas pior mesmo são os fabricados em `fundo de quintal’, que muita gente compra sem conhecer a fórmula e os efeitos colaterais”, diz o pesquisador Maurício Waldman (SP), autor do Guia Ecológico Doméstico (Ed. Contexto). Além das alergias na pele, podem ocorrer intoxicações causadas pelo forte odor e até envenenamento de animais domésticos. Abra mão também de detergentes, solventes e ceras que contenham compostos voláteis, cloro ou formaldeído, pois poluem o ar e provocam problemas respiratórios.

CONSUMO CONSCIENTE
Nas prateleiras dos supermercados já existem vários materiais de limpeza ecológicos, isentos de agentes químicos agressivos ou com o seu teor reduzido. Portanto, ao optar pelos industrializados, prefira os de baixo impacto ambiental. Maurício ressalta que é fundamental mudarmos os nossos hábitos de consumo. “As pessoas acham que basta limpar bem. Mas a ideia é sujar menos para dispor de uma quantidade menor de produtos químicos em casa, pois eles poluem os rios e matam os peixes. A água da máquina de lavar roupas que já tem sabão, por exemplo, é perfeita para higienizar o vaso sanitário ou tirar a sujeira do quintal”, ensina.

PRODUTOS SEM QUÍMICA
Na hora de limpar a casa, use estas receitas que garantem um ótimo resultado a baixo custo, não fazem mal à saúde nem poluem o ambiente.

Vinagre
Com alta concentração de ácido acético, o líquido funciona como um potente desinfetante e desengordurante. Os melhores para a limpeza são o branco (de álcool) e o de maçã.

Antimofo
Remova esse odor desagradável do armário limpando-o com um pano mbebido na mistura de 3 litros de água quente com 1 ou 2 colheres (sopa) de vinagre branco.

Fim da gordura
Ponha um pouco de vinagre puro sobre a gordura do fogão, deixe agir por um minuto e limpe.

Rejunte branquinho
Aplique vinagre puro com uma escovinha de dentes no rejunte do azulejo. Aguarde pelo menos duas horas para enxaguar com água. A dica também vale para limpar aquela parede com marcas de móveis ou de sapatos.

Brilho em vidros e espelhos
Dissolva 1 parte de vinagre em 4 de água quente e limpe essas superfícies. Os vidros ficam ainda mais transparentes!

Tapetes e carpetes novinhos
Para limpar essas peças, aplique uma mistura com a mesma quantidade de vinagre branco e água.

Amaciante
Substitua o produto convencional por 1/2 copo de vinagre no último enxágue da roupa. Ela fica supermacia…

Bicarbonato de sódio
À base de dióxido de carbono e hidróxido de sódio, o bicarbonato é bactericida e uma excelente alternativa para os produtos de limpeza abrasivos. Use-o, sempre com luvas, na limpeza da cozinha e para afastar odores desagradáveis.

Forno brilhante
Molhe um pano macio numa mistura de 1/2 litro de água quente e 3 colheres (sopa) de bicarbonato. Aplique em todo o forno e, após uma hora, retire-o com um pano úmido.

Ralos desentupidos
Misture bem 1 xícara (chá) de sal, 1 de bicarbonato e 1 litro de água quente. Jogue no ralo.

Carpete cheiroso
Para eliminar o odor forte, provocado por animais de estimação ou pela falta de ventilação no ambiente, pulverize bicarbonato de sódio sobre o carpete usando uma peneira grande. Deixe agir por dez minutos e aspire. Não passe vassoura para evitar que o tapete fique branco.

Geladeira limpinha
Sempre depois de finalizar a limpeza da geladeira e do freezer, passe um pano úmido com bicarbonato na parte interna para desinfetar o local.

Suco de limão
O ácido cítrico do fruto ajuda a dissolver o limo e até manchas de ferrugem.

Louça sem gordura
Dilua 1/4 de xícara (chá) de suco de limão em água e aplique na peça com um pano macio.

Antiferrugem
Retire esse tipo de mancha de talheres, grelhas e fogão esfregando a superfície com suco de limão e uma esponja.

MULTIÚSO CASEIRO
Num frasco de vinagre de maçã, junte 3 colheres (sopa) de bicarbonato de sódio e 1 copo de extrato de raspa de juá (árvore típica do Nordeste, também conhecida como juazeiro), à venda em lojas de produtos naturais. A solução tem validade de até seis meses se for guardada bem fechada e à sombra.

Importante
Mesmo os produtos sendo naturais, nunca deixe-os ao alcance de crianças e animais.

Fonte: http://planetasustentavel.abril.com.br/home/

Olhando o Blog  www.coletivoverde.com.br encontrei essa publicação que me fez pensar muito nessa onda de preocupações e de ideias para ajudar o nosso precioso planeta, como sou publicitário e trabalho numa empresa que tem essa visão, resolvi compartilhar com os leitores do Blog da OZ Engenharia.

Espero que no futuro não seja mais preciso esse tipo de conscientização, mas por enquanto ela é muito necessária, façamos cada um a sua parte que no coletivo tem muita importância.

Os anúncios na maioria são para empresas como WWF, Green Peace e Survival, desenvolvidos por agência de publicidade como Ogilvy, Almap e DM9.















































Milhares de brinquedos são jogados no lixo a cada dia, se levarmos em conta que um brinquedo de plástico pode levar mais de 100 anos para se decompor, podemos calcular que estamos sujando o nosso planeta para os netos de nossos filhos, e isso não é brincadeira.

Então o designer Robert Bradford teve a ideia de coletar esses brinquedos descartados e os transformar em lindas esculturas.

O resultado é super bacana e o mais incrível é que algumas esculturas chegam a utilizar 3 mil brinquedos!

O divertido é ficar observando as esculturas e identificando os brinquedos que ele usou, podemos inclusive procurar um briquedo que fez parte da nossa infância, quem sabe ele não está ali !

Se quiser saber mais sobre o artista e suas obras acesse o site: http://www.robertbradford.co.uk/

 

 

 

Fonte: www.coletivoverde.com.br

Muitas vezes não temos noção do que fazer com aquela tralha toda que acumulamos durante a vida, são inúmeros produtos, embalagens, caixas, coisas quebradas que guardamos em casa e não sabemos por que cargas d’água não conseguimos jogar fora, pensando nisso, abaixo seguem 50 ideias de destinos criativos que podemos dar para essas coisas. Um fim bem mais digno do que colocar mais lixo nas ruas ou deixar guardado em algum armário dentro de casa sem utilidade nenhuma.

1. Rolos de papel higiênico reutilizados para organizar cabos e fios
50 maneiras criativas de reaproveitar coisas velhas

2. Transformando cartões de crédito em palhetas para guitarra
50 maneiras criativas de reaproveitar coisas velhas

3. Cobrindo o vitrô da porta com negativos de fotos antigas
50 maneiras criativas de reaproveitar coisas velhas

4. Lampião de azeite com lâmpadas queimadas
50 maneiras criativas de reaproveitar coisas velhas

5. Adaptando embalagem de CDs como potes de rosquinhas
50 maneiras criativas de reaproveitar coisas velhas

6. Encha uma caixa com palitos e tenha um bloco multiuso de facas
50 maneiras criativas de reaproveitar coisas velhas

7. Convertendo Molduras antigas em bandejas
50 maneiras criativas de reaproveitar coisas velhas

8. Reutilizando garrafas de ketchup como uma bisnaga de panquecas
50 maneiras criativas de reaproveitar coisas velhas

9. Usando clips para organizar seus cabos
50 maneiras criativas de reaproveitar coisas velhas

10. Transformando chaves antigas em ganchos de parede
50 maneiras criativas de reaproveitar coisas velhas

11. Reutilizando uma maleta velha como farmacinha
50 maneiras criativas de reaproveitar coisas velhas

12. Usando a torre velha de computador como caixa de correio
50 maneiras criativas de reaproveitar coisas velhas

13. Use bolinhas de gude para tapar buracos nas cercas
50 maneiras criativas de reaproveitar coisas velhas

14. Reutilizando caixas velhas de Kleenex como dispensadores de sacola plástica
50 maneiras criativas de reaproveitar coisas velhas

15. Transformando uma moldura de porta velha em mesa de café
50 maneiras criativas de reaproveitar coisas velhas

16. Convertendo quadro de recados em um organizador de jóias
50 maneiras criativas de reaproveitar coisas velhas

17. Usando um post-it como coletor de pó na perfuração
50 maneiras criativas de reaproveitar coisas velhas

18. Adaptando um catálogo de cartões como um mini-bar
50 maneiras criativas de reaproveitar coisas velhas

19. Usando peças antigas de Lego como suporte de chaves
50 maneiras criativas de reaproveitar coisas velhas

20. Transformado um carrinho de compras em uma cadeira de rodas
50 maneiras criativas de reaproveitar coisas velhas

21. Convertendo malas antigas em criados mudos
50 maneiras criativas de reaproveitar coisas velhas

22. Transformando canecas, garrafas e taças velhas em luminárias
50 maneiras criativas de reaproveitar coisas velhas

23. Usando acendedores como suporte de velas em bolos
50 maneiras criativas de reaproveitar coisas velhas

24. Usando um clipe de papel como um chaveiro e prendedor de dinheiro
50 maneiras criativas de reaproveitar coisas velhas

25. Usando um tubo com válvulas como cabide
50 maneiras criativas de reaproveitar coisas velhas

26. Utilizando livros antigos como prateleiras
50 maneiras criativas de reaproveitar coisas velhas

27. Reutilizando caixas de fitas cassete antiga como caixas de cartão
50 maneiras criativas de reaproveitar coisas velhas

28. Aproveitando embalagens de CDs para armazenar e organizar cabos
50 maneiras criativas de reaproveitar coisas velhas

29. Transformando uma bicicleta velha em um balcão de banheiro
50 maneiras criativas de reaproveitar coisas velhas

30. Convertendo um frigobar em um suporte de TV e unidade de armazenamento
50 maneiras criativas de reaproveitar coisas velhas

31. Transformando utensílios de cozinha antigos em ganchos de parede
50 maneiras criativas de reaproveitar coisas velhas

32. Aproveitando uma caixa de vinho velha como sapateira
50 maneiras criativas de reaproveitar coisas velhas

33. Usando ganchos das cortinas de banheiro como cabides de bolsa
50 maneiras criativas de reaproveitar coisas velhas

34. Transformando malas antigas em pastas
50 maneiras criativas de reaproveitar coisas velhas

35. Aproveitando raquetes como espelhos
50 maneiras criativas de reaproveitar coisas velhas

36. Usando cantos de quadros antigos como azulejos
50 maneiras criativas de reaproveitar coisas velhas

37. Transformando uma porta velha em um quadro para espelho
50 maneiras criativas de reaproveitar coisas velhas

38. Aproveitando uma torre de papel como fitas
50 maneiras criativas de reaproveitar coisas velhas

39. Transformando uma banheira velha em um sofá
50 maneiras criativas de reaproveitar coisas velhas

40. Use frisbees para reforçar pratos descartáveis
50 maneiras criativas de reaproveitar coisas velhas

41. Adaptando barris velhos em uma bateria
50 maneiras criativas de reaproveitar coisas velhas

42. Usando embalagens de docinhos para prevenir gotejamento do sorvete
50 maneiras criativas de reaproveitar coisas velhas

43. Usando um rack de sapatos para organizar a copa
50 maneiras criativas de reaproveitar coisas velhas

44. Fazendo uma cadeira de pranchas de esqui velhas
50 maneiras criativas de reaproveitar coisas velhas

45. Usando livros velhos para criar um balcão
50 maneiras criativas de reaproveitar coisas velhas

46. Transformando caixinha de produtos em um transportador de condimento
50 maneiras criativas de reaproveitar coisas velhas

47. Transformando uma cadeira em um toalheiros e prateleira
50 maneiras criativas de reaproveitar coisas velhas

48. Usando uma bandeja de bolos como um organizador de jóias
50 maneiras criativas de reaproveitar coisas velhas

49. Utilizando vidros para guardar a salada
50 maneiras criativas de reaproveitar coisas velhas

50. Transformando um velho piano em uma fonte de água ao ar livre
50 maneiras criativas de reaproveitar coisas velhas

Abaixo, uma  imagem que mostra de forma simples, a importância da instalação de pátios de descontaminação para tratamento da calda proveniente da lavagem de aviões e tratores pulverizadores de agrotóxicos.

Atualmente existe a exigência para construção do pátio apenas para pulverizadores da aviação agrícola, porém a legislação ainda não conseguiu estender  a obrigação para os tratores pulverizadores, que somam 90% dos aplicadores de agrotóxicos.

Entenda melhor a questão. Clique na imagem para vê-la ampliada.

 

 

Descartar corretamente resíduos líquidos e sólidos, controlar a emissão de gases prejudiciais à atmosfera, utilizar os recursos de forma sustentável, enfim cuidar do meio ambiente. São ações que trazem benefícios para o futuro do ser humano, mas sobretudo para preservar a fauna e flora  do planeta.

A vida marinha é um dos ecossistemas mais curiosos e de inexplicável beleza. Conhecer e saber mais sobre ele, conscientiza para sua preservação.

Quem estiver na capital paulista, pode conferir a exposição que acontece durante o mês de agosto no Aquário de São Paulo. O fotógrafo e mergulhador Ary Amarante, traz mais de 30 fotos mostrando toda a diversidade e beleza do fundo do mar. As fotos foram retiradas de seu livro “Vida Marinha” (editora Cultura Sub).

Abaixo uma mostra:

Serviço:

Data: 1º a 31 de agosto
Horário: de segunda a domingo das 9h00 às 18h00
Local: Aquário de São Paulo
Endereço: Rua Huet Bacelar, n° 407
Telefone: (11) 2273-5500

Fotos: Ary Amarante

Com informações de: Revista Época

Criada pelo designer Ross Lovegrove  o poste em formato de árvore vai iluminar a cidade até setembro para homenagear os Jogos Olímpicos e Paraolímpicos de Londres, que prometem ser os mais verdes já realizados.

O poste é equipado com células fotovoltaicas que transformam a luz do sol em eletricidade. Em formato de árvore, o poste tem 20 hastes verdes com painéis solares e galhos de LED. As luzes se acendem automaticamente quando escurece.

A árvore solar iluminará a cidade até o final de setembro, quando terminarem os Jogos Olímpicos e Paraolímpicos de Londres. Na base do poste existe espaço para as pessoas se sentarem.

Design, inovação e cuidado com o meio ambiente. Uma ótima ideia que poderia ser implantada definitivamente em cidades de todo o mundo.

Os Jogos Olímpicos de 2012 acontecerão em Londres, de 27 de Julho a 12 de Agosto de 2012, seguidos pelos Jogos Paraolímpicos de Verão de 2012, que se realizarão entre 29 de Agosto e 9 de Setembro.

Veja outras notícias sobre os jogos olímpicos na Página oficial dos Jogos Olímpicos de Londres 2012 (em inglês) e na Página sobre os Jogos Olímpicos de Londres 2012 em português (em português).

Com informações da Revista Exame

Reforçando um clichê, temos que admitir- a natureza é PERFEITA e tem seres maravilhosos. A vida marinha em especial, desperta grande fascínio em muitas pessoas. Motivo pelo qual devemos cada vez mais preservar esse ecossistema e buscar novas alternativas que não agridam nossos rios e mares.

O fotógrafo russo Alexander Semenov especialista em invertebrados, passou quatro anos trabalhando no mar vermelho e reuniu uma série de fotos da biodiversidade local.  As mais impressionantes e belas são as águas-vivas. Veja abaixo algumas das fotos de Alexander.

Confira  a galeria de fotos completa aqui .

Com informações de UoD e Inspirefirst

Pesquisar
Divulgação
Calendário
agosto 2022
S T Q Q S S D
« jul    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031  
Site OZ Engenharia
Águas Limpas
Google +1
Categorias